Campanha da Fraternidade 2012: Saúde e salvação para a Igreja

sexta-feira, fevereiro 10, 2012

 

Campanha da Fraternidade: Saúde e salvação para a Igreja

A experiência da doença mostra que o ser humano é uma profunda unidade pneumossomática. Não é possível separar corpo e alma. Ao paralisar o corpo, a doença impede o espírito de voar. Mas se, de um lado, a experiência é de profunda unidade, de outro, é de profunda ruptura. Com a doença passamos a perceber o corpo como um ‘outro’, independente, rebelde e opressor.

Ninguém escolhe ficar doente. A doença se impõe. Além de não respeitar nossa liberdade, ela também tolhe nosso direito de ir e vir. A doença é, por isso, um forte convite à reconciliação e à harmonização com nosso próprio ser.

A doença é também um apelo à fraternidade e à igualdade, pois não discrimina ninguém. Atinge a todos: ricos, pobres, crianças, jovens, idosos. Com a doença, escancara-se diante de todos nossa profunda igualdade. Diante de tal realidade, a atitude mais lógica é a da fraternidade e da solidariedade.

(fonte: Texto-Base. Brasília, Edições CNBB. 2011. Campanha da Fraternidade – disponibilizado na internet pelo Vicariato Norte – http://www.vicariatonorte.org.br/arq_downloads/cf2012_textobase.pdf)

Share Button

 

comentário(s)

  1. cecilha disse:

    “Muito obrigado por me enviar o Santo Evagelio de Domingo .Foi muito bem esplicado pelo Frei.Um abraço Que Deus te Ilumine .

  2. Ana Cristina disse:

    Gostei muito dos artigos,
    Vocês estão de parabéns!

  3. Jovelina fernandes barbosa disse:

    É uma ótima forma de evangelização.
    O povo está carente de pessoas que doem um tempo para evangelizar.Parabéns, que a Graça Divina os abençoe abundantemente.

  4. Tadeu disse:

    Com a Graça de Deus temos pessoas que se respeitam mutualmente.

Deixe uma resposta