Batismo do Jesus

sexta-feira, janeiro 9, 2009

BATISMO DE JESUS

Muitos pensam que o Tempo do Natal começa e acaba no dia de Natal.  Alguns ainda arriscam o palpite de que ele termina no dia da Festa de Reis (Festa dos Reis Magos ou Epifania). No entanto, a verdade é que o Tempo do Natal só acaba após o Domingo do Batismo do Senhor.  Assim, só hoje deveríamos desmanchar nossos presépios, pois amanhã, segunda-feira, iniciaremos o Tempo Comum.

batismo jesus evangelho pomba espirito santo joao

 

Leia abaixo um artigo que preparamos para você, neste domingo, quando celebramos o Batismo de Jesus.

Evangelho: (Mc 1, 7-11)

"Já estamos no segundo domingo do ano 2009 e na liturgia de domingo celebramos o batismo de Jesus. João relutou, mas diante de tanta insistência batizou o Mestre. Qual motivo teria levado Jesus ao Batismo?

É importante ressaltar esse fato. Jesus, o próprio Deus, o mesmo Deus que instituiu o Sacramento do Batismo, fez questão de ser batizado. João não se considerava digno sequer de desatar-lhe a sandália, mesmo assim, Jesus insistiu para ser batizado por João.

Convém lembrar que o batismo de João não é o mesmo Batismo-Sacramento, que foi instituído por Jesus e que nos faz cristãos. Trata-se do batismo de penitência, com que o Batista preparava o povo para a chegada do Messias.

Jesus tinha bons motivos para receber o batismo. Certamente não para converter-se ou tornar-se cristão. Com seu batismo, Jesus manifestou sua aprovação ao trabalho de João. Com seu exemplo, quis valorizar o Sacramento que ainda iria instituir.

O gesto humilde de Jesus, aguardando sua vez para ser batizado é uma cena que não pode ser apagada da nossa memória. Deve ficar gravada em nossa mente para nos questionarmos: Se receber o batismo era, para Jesus, algo importante, imagine então a importância do batismo para nós e nossos filhos.

Batismo é coisa séria, é o sacramento que nos incorpora a Cristo, nos torna membros da Igreja, templos do Espírito Santo, filhos de Deus e herdeiros do Céu. Portanto, o batismo não pode ser encarado como um simples ato social.

Não podemos batizar só por tradição ou só por batizar. Pais e padrinhos devem estar conscientes que, naquele momento seus filhos estão recebendo um Sacramento que Jesus ainda iria instituir e que também fez questão de receber.

ESTE ARTIGO CONTINUA

Share Button

 

comentário(s)

  1. rita de cssia noronha disse:

    Artigo sobre o Batismo de Jesus muito bom e instrutivo nos levando a refletir sobre a humildade de Jesus e nosso orgulho .E um convite para mudança de vida que deve nos levar a uma mudança radical .

  2. maria clara disse:

    eu achei enteressante

  3. maria clara disse:

    eu achei enteresante

Deixe uma resposta