Solenidade da Assunção de Nossa Senhora

sexta-feira, agosto 15, 2008

SOLENIDADE DA ASSUNÇÃO DE NOSSA SENHORA

É importante não confundir ASCENSÃO COM ASSUNÇÃO. A ascensão se refere a Jesus que ascendeu (subiu) aos céus por Seu próprio Poder. A assunção se refere a Nossa Senhora que foi assunta (assumida, levada) aos céus pelos anjos pelo poder de Deus não pelo seu próprio poder.

 
(Vídeo feito na igreja Matriz de Montijo, Portugal – canto final da Missa da Assunção da Virgem Maria / 2008)
 

A assunção é comemorada no dia 15 de agosto, sendo feriado em vários Países, como por exemplo em Portugal. No Brasil a celebração a Solenidade é transferida para o primeiro domingo após o dia 15 de agosto, para que os fiéis possam participar, uma vez que não é feriado.

Abaixo colocamos o Evangelho deste dia e um comentário interesssante:

"Evangelho: (Lc 1, 39-56)

Naqueles dias, Maria se pôs a caminho e foi apressadamente às montanhas para uma cidade de Judá. Entrou em casa de Zacarias e saudou Isabel. Aconteceu que, mal Isabel ouviu a saudação de Maria, a criança saltou em seu ventre; e Isabel, cheia do Espírito Santo, exclamou em voz alta: “Bendita és tu entre as mulheres e bendito é o fruto do teu ventre! Donde me vem a honra que a mãe do meu Senhor venha a mim? Pois quando soou em meus ouvidos a voz de tua saudação, a criança saltou de alegria em meu ventre. Feliz é aquela que teve fé no cumprimento do que lhe foi dito da parte do Senhor”. Então Maria disse: “Minha alma engrandece o Senhor e rejubila meu espírito em Deus, meu Salvador, porque olhou para a humildade de sua serva. Eis que de agora em diante me chamarão feliz todas as gerações, porque o Poderoso fez por mim grandes coisas: O seu nome é santo. Sua misericórdia passa de geração em geração para os que o temem. Mostrou o poder de seu braço e dispersou os que se orgulham de seus planos. Derrubou os poderosos de seus tronos e exaltou os humildes. Encheu de bens os famintos e os ricos despediu de mãos vazias. Acolheu Israel, seu servo, lembrando-se de sua misericórdia, conforme o que prometera a nossos pais, em favor de Abraão e de sua descendência, para sempre”.  Maria ficou com Isabel uns três meses e voltou para casa.

COMENTÁRIO

Hoje é um dia muito especial para todos nós, o nosso coração está alegre pela festa da Mãe de Deus e nossa Mãe. Hoje comemoramos a festa da Assunção de Maria. Gloriosamente, Maria é elevada ao céu em corpo e alma!

Parece-me que uma das coisas mais justas que Deus fez, foi levar Maria para perto de si, em corpo e alma. Não podia ser corrompido pelos vermes aquele corpo que gerou o Filho de Deus. Tinha que ser preservado o Santuário do Espírito Santo. Essa criatura especial, tinha que receber um tratamento especial.

“Minha alma engrandece o Senhor, e o meu espírito se alegra em Deus, meu Salvador”. Assim Maria iniciou a sua oração em ação de graças ao Pai que Ela tanto amou e para quem nada negou. Toda sua vida foi marcada pela palavra sim.

Dois momentos muito importantes devem ser ressaltados no Evangelho de hoje: O primeiro nos mostra Maria dirigindo-se, apressadamente para socorrer Isabel. Encontrou caminhos difíceis na região montanhosa. Entretanto, nenhum obstáculo serviu de pretexto para desistir. Corajosamente venceu todas as barreiras.

Vamos também gravar em nossos corações este outro momento: estas palavras de Maria nos mostram exatamente o seu caráter. São como um “Raio X” do seu coração: “Ele olhou para a humildade de sua serva”. Maria, obediente e desapegada dos bens materiais, é o Modelo de Humildade.

A humildade da Santíssima Virgem é a causa da sua grandeza! Humilhou-se a ponto de reconhecer sua insignificância e o seu nada, como Ela própria dizia. Por tudo isso, o Senhor a exaltou à mais alta dignidade, pela qual será bendita por todas as gerações.

Maria soube enxergar a bondade de Deus e seu imenso amor ao escolhê-la para Mãe do seu próprio Filho. Ela, uma jovem pobre, desconhecida pela sociedade e residente na periferia de um lugarejo também desconhecido. Porque será que Deus não escolheu uma rainha para ser a mãe de Seu Filho?

Escolheu sim! Deus deu à Maria uma realeza jamais encontrada em nenhuma rainha. O Salvador do mundo e Filho de Deus tinha que ter uma Mãe pura e majestosa. Por isso, Maria é a mais bela e perfeita criatura. A Assunção de Maria é uma prova da misericórdia divina.

Maria, glorificada na Assunção, é a imagem e o modelo da criatura plenamente salva, liberta e realizada. A Assunção de Nossa Senhora, é a união entre o céu e a terra, é uma amostra das maravilhas que Deus preparou para os seus filhos, é uma pequena amostra do que está reservado para os humildes servos do Senhor.

(autor: Jorge Lorente – fonte: www.miliciadaimaculada.org.br)

Share Button
Se gostou desse artigo...

 

comentário(s)

  1. Alex A. Borges disse:

    Aqui, na região de Minas Gerais em que moro, Alto Paranaíba, Nossa Senhora da Assunção é também chamada de Nossa Senhora da Abadia. É feriado regional no Alto Paranaíba e Triangulo Mineiro. A devoção à Nossa Senhora da Abadia foi trazida de Portugual a Goiás e de Goiás, pelos garimpeiros, a Minas Gerais, numa primeira localidade chamada Água Suja, depois, mudada de nome para Romaria.

  2. rita de cassia noronha disse:

    LINDO ARTIGO . A CITAÇÃO QUE FALA DA FRASE QUE É O RAIO X DO CORAÇÃO DE MARIA, NOS LEVA UM UM DESEJO DE LUTAR PARA VIVER A HUMILDADE A EXEMPLO DELA . QUE COMO ELA SAIBAMOS LUTAR PARA VIVER A BONDADE E EXENRGAR A BONDADE DE DEUS NOS ACONTECIMENTOS DE NOSSA VIDA

  3. Ida Pires da Silva disse:

    Obrigada pelas noticias enviadas, como é lindo seu blog. Agradeço muito a Deus por tê-lo conhecido, e poder navegar e embebedar-me das suas sabedorias e conhecimentos esclareceores sobre o catolicismo, e principalmente tudo o que se refere á mistica franciscana.´ Obrigada, que Deus te abençoe, te ilumine, te dê muita saúde. Abraços com muita. PAZ e BEM!

  4. Antonio disse:

    Falar da SS Trindade é extraordinário; mas falar de Maria – ainda mais assunta ao céu – é emocionante! Gostei sim, do artigo. Mas, para meu “sabor” de estudioso, gostaria de ter sabido de algo mais sobre o Dogma da Assunção. Muita gente nem sabe como se deu, e quando se deu, e por que se deu. Acho que é urgente, muito urgente mesmo, melhorar o conhecimento da nossa gente, a respeito da qual disse Bento XVI “a sua ignorância religiosa é espantosa!” Paz e Bem!

  5. Adilson Queiroz disse:

    Gostei muito do site. Parabéns!

  6. Irineide disse:

    Gostei muito deste site, e de modo especial sobre o artigo referente a Assunção de N. Senhora, mas como o amigo Antonio (acima sugeriu), gostaria de saber quando se deu, pois como foi vocês já explicaram, o porque também, falta saber em que época aconteceu. Desejo muito saber, pois conversando hoje com uma vizinha nossa (idosa), ela comentou que a sua mãe sempre ensinou que este fato aconteceu 40 dias depois da Páscoa, acredito que não seja isto pois a Páscoa já passou há muito mais tempo. Aguardo retorno, pois com suas orientações com certeza passarei p/ ela tb. Terno abraço . Iris

Deixe o seu comentário